Treinar a mente para o esporte

28 de fevereiro de 2019

Ao contrário do que a maioria das pessoas pensam, a prática do esporte não envolve apenas o trabalho de condicionamento físico. A parte mental é de suma importancia para o atleta conquistar seus objetivos. Os atletas de elite sabem que nossa mente é capaz de aumentar nossa auto confiança, mas deve ser trabalhada de maneira correta para obter resultados positivos. Fortalecer a mente para enfrentar desafios é crucial para o atleta.   

deporte entrenar la mente

Por que os atletas devem treinar também a mente?   

Treinar a mente permite que qualquer atleta possa superar momentos de pressão, resistir a condições adversas e aumentar suas próprias habilidades. Em muitas ocasiões, não é o melhor atleta quem ganha a competição, e sim o atleta que esta mais bem preparado fisicamente.

O cérebro é quem dirige nosso corpo: força, resistência, coordenação e destreza.  Trabalhar a mente pode parecer complicado no começo, devido a não estarmos habituados a esse tipo de treinamento.

Praticando o treinamento mental, os atletas adquirem ferramentas essenciais para enfrentar momentos difíceis: como bater um pênalti no último minuto de um jogo decisivo, acertar lances livres em uma partida de basquete, ou completar os últimos quilômetros de uma maratona.   

3 fatores mentais que influenciam o desempenho esportivo   

Aprender a controlar as emoções proporciona uma importante vantagem e pode ser a diferença entre o sucesso ou o fracasso. Existem vários fatores que determinam o êxito de um esportista:   

1. Motivação: Ter um objetivo definido é fundamental. Com a meta claramente definida o atleta poderá colocar todo o seu esforço e habilidade para alcançá-lo.   

2. Autoconfiança: é uma condição essencial para alcançar a vitória. Todos os atletas são afetados por preocupações externas e altos níveis de ansiedade, mas precisam aprender estar no controle de suas emoções para evitar interferências negativas.   

3. Concentração: Todas as ações realizadas por um atleta, sejam simples ou intuitivas, exigem concentração.  A atenção de um atleta deve estar sempre no presente, evitando pensar no que aconteceu no passado ou sofrendo pelo que poderá acontecer no futuro. Segmentação é a chave, dividir o desafio em pequenos desafíos ajudará a fortalecer a mente para cumprir o objetivo final.